MEU NOME É LUA

Meu nome é Lua
35 anos
Tenho homens aos meus pés
Sobre um deles
Vou contar
Pedro
O mais rico
Comeu todas
Vivia me querendo
Eu, sempre negando.
Acho-o um babaca
Depois de anos
Resolvi aceitar seu convite
Fomos jantar
Ele querendo me impressionar
Vinhos raros
Pratos requintados
Restaurante caríssimo
Na hora dele pagar a conta
Não deixei
Paguei
Dinheiro
Eu tenho
Não estou à venda
Ficou louco
Não admitia
Foi assim
Do meu jeito
Sempre é do meu jeito
Fomos embora
No seu carro
Tentou beijar-me
Esquivei
Chovia muito
Ele insistia
Perguntava o que fazer para me ter
Disse-me realizar qualquer coisa por mim
Então falei:

- Desce do carro, dê a volta, abra a minha porta e ajoelhe-se, implorando por um beijo.

Ele o fez de bate pronto
Perguntou-me:

- E agora, você vai me beijar?

Respondi:

- Eu lá sou mulher de beijar homem que ajoelha!

Pablo Treuffar
Licença Creative Commons
Based on a work at www.pablotreuffar.com
A VERDADE É QUE EU MINTO

A VERDADE É QUE EU MINTO

7 comentários:

Anônimo disse...

Adorei as imagens...

Ronna

Anônimo disse...

Seria um tipo de fusão entre Chico Buarque e uma piada? aprovado

Mara

Anônimo disse...

vc é viado

Anônimo disse...

Muito bom, parabens

Glaucia

Anônimo disse...

adoro seu estilo

Joana

patrícia disse...

Caraca!!!!!!!!! Esse matou a pau... tua "alma de mulher", é ótima, todas deviam ser assim!!!

Thaís Winck disse...

que alma feminina boa
hsahusahus
de mais!